Como escolher a sua mesa de cabeceira?

A mesa de cabeceira é a companhia indissociável das suas noites. Ora discreta e funcional, ora design e elegante, a mesa de cabeceira contribui de uma só vez ornar o seu quarto e fornecer-lhe um espaço de arrumação prático para as suas leituras e para ter tudo o que precisa dentro de fácil alcance. Mas o que tem de considerar para fazer a escolha mais indicada para si? Consulte abaixo todos os conselhos que a Vente-Unique elaborou a pensar em si.

1. Qual o tipo e forma para a sua mesa de cabeceira?

Uma mesa de cabeceira moderna pode apresentar vários visuais. Compete-lhe a si determinar qual o formato que mais convém ao seu quarto e às suas necessidades.

O número e a natureza dos espaços de arrumação devem ser dos primeiros critérios a considerar. Consoante os modelos, poderá optar por uma mesa de cabeceira com uma, duas ou três gavetas. Outras mesas dispõem apenas de "nichos" abertos sob o tampo, podendo representar uma verdadeira mais-valia em termos de praticidade, mas também realçar a estética geral do quarto.

Finalmente, os adeptos do minimalismo contentar-se-ão com uma "mesa" no sentido mais estrito do termo, com um simples tampo montado sobre um suporte e sem qualquer espaço de arrumação incluído.

A presença das gavetas restringe, na maioria das vezes, a escolha a um modelo quadrado ou retangular, que também apresenta a vantagem de se casar bem com um dos cantos da cama. Mas os designers têm muitas outras surpresas para os que gostam de pensar fora da caixa; por conseguinte, pode apaixonar-se por uma mesa de cabeceira design com uma forma redonda ou oval, ou inclusive por um modelo projetado em forma de arco de círculo.

2. Que material escolher?

A escolha de materiais da sua futura mesa de cabeceira dependerá em grande parte da atmosfera que pretende criar no seu quarto. A mesa de cabeceira de madeira continua a ser, como é óbvio, uma posta segura, que pode convir igualmente bem a um estilo rústico quanto a um ambiente mais étnico e moderno, consoante o sentimento que gosta de transparecer. As variedades como a teca maciça ou o carvalho oleado são perfeitas para se deitar com total serenidade.

Além disso, encontrará uma espantosa variedade de materiais para por à prova no seu quarto: as mesas de cabeceira em PVC ou em aglomerado de partículas MDF apresentam um preço muito acessível, enquanto os modelos que integram o vidro temperado, o metal, a pele sintética ou inclusive o bambu permitem definir um estilo inteiramente único.

3. Quais devem ser as dimensões?

Uma regra comum e de bom senso diz que a altura da mesa de cabeceira não deve ultrapassar a altura da cama com o colchão incluído - permitindo-lhe assim não ter qualquer dificuldade em encontrar um objeto no breu da noite, além de não arriscar fraturar um pulso caso o despertador tenha a excelente ideia de o retirar da paz dos anjos demasiado cedo para o seu gosto...

Além desse detalhe, é importante optar por uma largura que não fará com que a mesa de cabeceira pareça demasiado grande quando comparada com a cama. Ou seja, não opta por mesas de cabeceira retangulares grandes a não ser que tenha como pretensão conjugá-la com uma cama de 160 ou 180*200 cm.

4. Estilo e cor

A compra de uma mesa de cabeceira preta pode ser algo a ponderar, desde que seja possível contrabalançar este móvel com outros elementos mais claros no quarto, não criando assim um ambiente demasiado escuro.

Uma mesa de cabeceira branca, por outro lado, pode ser equacionada num quarto com uma decoração leve e luminosa, tipo escandinava ou vintage. 

Finalmente, a mesa de cabeceira cinza é a última das três cores preferidas da maioria das pessoas, sendo também a mais versátil: se ambicionar dar um pouco mais de fantasia ao quarto que vai servir de berço para os seus sonhos, não hesite em consultar a gama de cores em oferta e em optar por um azul, bege ou inclusive vermelho.

5. Quanto custa uma boa mesa de cabeceira?

A boa notícia é que se procura, acima de tudo, uma mesa de cabeceira mais barata e ultrafuncional, não é necessário desembolsar mais do que trinta ou quarenta euros. Uma escolha muito criteriosa, entre outras, para um quarto de criança em que, de qualquer das formas, os móveis não irão durar assim tanto tempo.

Deseja ter uma verdadeira mais-valia em termos de design para a sua suíte, além do facto do móvel combinar subtilmente com os seus artigos de cama? Uma mesa de cabeceira topo de gama pode facilmente valer-lhe mais de 400 €, cada, portanto, certifique-se de que faz uma boa escolha antes de tomar uma decisão definitiva!

Descubra também:

Guia de compra
Guia de compra
Guia de compra
Guia de compra